MERCADÃO KIPREÇO

Dia da Igreja Perseguida!

quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Pastor toca CD com piadas e palavrões durante o culto, acreditando ser da cantora Mara Maravilha


O pastor evangélico Vagner Neiva, ficou constrangido quando pediu para o operador de som de sua congregação tocar uma música do cd que ele comprou da cantora Mara Maravilha, no entanto o que ouviram foram piadas do humorista Ary Toledo.
De acordo com o site do Poder Judiciário do Rio de Janeiro, os desembargadores da 8ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio, em uma decisão unânime, condenaram a NovoDisc Mídia Digital da Amazônia a pagar R$ 2 mil de indenização, por danos morais e a devolver o valor de R$ 16,60 que ele pagou pelo CD.
Vagner adquiriu o cd da cantora evangélica Mara Maravilha, e deixou para escuta-lo somente no momento do louvor na igreja, ao tocar o cd durante o culto o que ouviram foi piadas e história picantes recheadas com palavrões, do comediante Ary Toledo.
A ação de rito sumário foi proposta pelo pastor Vagner contra a Record Produções e Gravações, a NovoDisc e a Bazar Gospel Água Viva.  Segundo a relatora da decisão, desembargadora Ana Maria Pereira de Oliveira, a relação jurídica existente entre as partes é de consumo, com evidente falha na prestação do serviço. “Ressalte-se (…) que tendo sido constatado vício no produto e tendo identificado o fabricante, deve ser a condenação imposta somente à segunda Apelada (NovoDisc)”, explicou a magistrada.
Inicialmente o pastor, havia pedido de indenização R$ 22 mil, no entanto a desembargadora por acreditar que o período de reprodução do cd com as piadas foi curto e por não houver abalo na imagem do pastor diante os fieis da igreja, ela fixou apenas R$ 2 mil reais, que ainda cabe recurso.
Fonte: Portal Padom

Nenhum comentário:

Postar um comentário